Notícias - Candidaturas Abertas / Seminários / Outras

PROGRAMA VALORIZAR - CRIAR VALOR COM O TERRITÓRIO

A última fase de apoios do Sistema de Incentivos às Microempresas está aberta até 9 de Dezembro. É a oportunidade final para as microempresas apresentarem as suas candidaturas a apoios, quer de promoção do investimento, quer de apoio à criação de postos de trabalho. O Sistema de Incentivos às Microempresas, que se enquadra no Programa Valorizar – Criar Valor com o Território, é um sistema simplificado de incentivos. Aplica-se a projectos de investimento inferior a 5 mil euros, ou igual ou superior a 5 mil euros, mas inferior a 25 mil euros nas freguesias não rurais, e à criação de até 2 postos de trabalho durante 12 meses.

Mais informações em: http://www.inalentejo.qren.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=185&Itemid=131

 

EDIFÍCIO DOS QUARTÉIS - CANDIDATURA A ESPAÇOS ASSOCIATIVOS

EDITAL Edificio Quarteis - Espaços Associativos

Formulário Candidatura Edificio Quarteis - Espaços Associativos

EDITAL Edificio Quarteis - Espaços Comerciais

Formulário Candidatura Edificio Quarteis - Espaços Comerciais

EDITAL Edificio Quarteis - Estabelecimento de Bebidas

Formulário Candidatura Edificio Quarteis - Estabelecimento de Bebidas

WORKSHOP INTER-REGIONAL DE TRANSFERÊNCIA TECNOLÓGICA NO SETOR VITIVINÍCOLA

A ADRAL encontra-se a organizar, com o apoio da União das Associações Empresariais da Região Norte (UERN), o Workshop Inter-Regional de Transferência Tecnológica no Sector Vitivinícola, uma iniciativa que irá decorrer no próximo dia 24 de Abril, no Auditório ExpoBeja no Recinto da Ovibeja (de acordo com o Programa em anexo).

Este workshop  tem como objectivo potenciar o networking tecnológico empresarial no sector vitivinícola e promover a reflexão e a troca de experiências entre o sistema científico das duas regiões portuguesas envolvidas (Alentejo e Região Norte), permitindo também que as micro, pequenas e médias empresas acedam a informação sobre tecnologias e serviços avançados.

Para tal, o evento contará com a presença de peritos nas áreas da produção, I&D, marketing e comercialização no sector vitivinícola. Num ambiente que se pretende informal, propomo-nos dinamizar uma reflexão e clarificação de pontos de vista em prol do reforço da capacidade produtiva e comercial destas duas regiões parceiras.

Clique aqui para descarregar o programa.pdf

 

PLATAFORMA PARA SUBMISSÃO DE CANDIDATURAS DAS EMPRESAS AO QREN

O Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN) dispõe de uma nova plataforma para a submissão de candidaturas aos sistemas de incentivos às empresas: a PAS - Plataforma de Acesso Simplificado.
Esta nova plataforma surge no âmbito das medidas de simplificação e eficiência no acesso dos promotores ao QREN e facilita o processo de candidatura através da criação de um perfil de dados do promotor, que será posteriormente replicado no conjunto de candidaturas da sua responsabilidade, evitando o preenchimento de informações em duplicado. Entre as vantagens da nova PAS é ainda de destacar a possibilidade de atualizar dados, por via da importação da informação que consta em candidatura prévia, evitando o preenchimento inicial da mesma.

Pode aceder à PAS em http://apps.compete-pofc.org/pas

 

PROGRAMA VALORIZAR

Realiza-se no próximo dia 18 de Março, pelas 10 horas, no auditório da CCDR Alentejo, uma sessão de esclarecimento sobre o Prgrama Valorizar.

Clique aqui para download de programa.

 

VALORIZAR - SISTEMA DE INCENTIVOS DE APOIO LOCAL A MICROEMPRESAS

No âmbito do programa Valorizar, que tem por objetivo o estímulo à atividade económica produtiva de base regional e local, foi criado o Sistema de Incentivos de Apoio Local a Microempresas (SIALM).

Este sistema visa apoiar iniciativas de microempresas em territórios com problemas de interioridade, criando ou fixando emprego e dinamizando economias locais.

Encontrando-se aberta a 1ª fase para apresentação de candidaturas, disponibilizam-se a Portaria e o Aviso de Abertura relativos ao Programa.

 

EDITAL - Atribuição de 3 lotes na UP11 - Moura

Consulte aqui o edital.pdf

PME DIGITAL - CONVITE PARA WORKSHOP EM BEJA

Irá ter lugar no próximo dia 18 de janeiro nas instalações do NERBE/AEBAL, um workshop de esclarecimento sobre o programa PME Digital, realizado localmente em colaboração com o NERBE/AEBAL - Associação Empresarial do Baixo Alentejo e Litoral e a Associação do Comércio, Serviços e Turismo do Distrito de Beja.

Com o programa PME Digital pretende-se dotar as PME da capacidade de utilizar a Internet para a promoção e comercialização dos seus produtos e serviços, bem como estimular novas formas de trabalho mais eficiente através da colaboração e comunicação.

Consulte aqui o programa

 

HASTA PUBLICA PARA ADJUDICAÇÃO DO DIREITO DE OCUPAÇÃO E EXPLORAÇÃO DE 2 QUIOSQUES NA VIA PUBLICA

Edital - clique para visualizar

 

ABERTURA DE NOVOS APOIOS FINANCEIROS PARA PME’S

Encontram-se abertos novos concursos para as PME’s no âmbito do QREN. As datas das candidaturas estão estipuladas para 2012 e 2013, dando mais tempo e possibilidade de planeamento atempado às empresas para apresentarem as suas candidaturas.

Os concursos são os seguintes:

1) AVISO 06/SI 2012 –SI QPME – VALE SIMPLIFICADO

2) AVISO 10/SI 2012 –SI QPME – PROJECTOS INDIVIDUAIS

3) AVISO 11/SI 2012 – PROJECTOS CONJUNTOS – OUTRAS TIPOLOGIAS

4) AVISO 12/SI 2012 – INOVAÇÃO PRODUTIVA

5) AVISO 13/SI 2012 – INOVAÇÃO – EMPREENDORISMO QUALIFICADO

6) AVISO 07/SI 2012 – I&DT – PROJECTOS INDIVIDUAIS

7) AVISO 08/SI 2012 – I&DT – PROJECTOS EM CO-PROMOÇÃO

8) AVISO 09/SI 2012 – I&DT – NÚCLEOS DE I&DT

 

Para mais informações sobre os avisos consulte o seguinte link:

http://www.pofc.qren.pt/concursos/concursos-abertos/page/1

 

PASSAPORTE PARA O EMPREENDEDORISMO

Foi publicada em 16 de Novembro, a  Portaria n.º 370-A/2012, que aprova a criação da medida «Passaporte para o empreendedorismo». Esta medida visa promover o desenvolvimento, por parte de jovens qualificados, de projetos de empreendedorismo inovador e, ou, com potencial de elevado crescimento através de um conjunto de medidas de apoio específicas, articuladas entre si e complementadas com a prestação de assistência técnica ao longo do desenvolvimento do projeto.

Para mais informações clique aqui.

 

SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS (SI QUALIFICAÇÃO PME)

Portaria n.º 233-A/2012

Altera o Regulamento do Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de Pequenas e Médias Empresas (SI Qualificação PME), aprovado pela Portaria n.º 1463/2007, de 15 de novembro

 

NOVA LINHA DE CRÉDITO “INVESTE QREN”- APOIOS P/ PME´S

Esta nova linha de crédito destinada a apoiar as PME´s, irá beneficiar projetos de investimento até 4 milhões de euros e conta com uma dotação global de 1000 milhões de euros.

As condições da linha de crédito “Investe QREN” destinada às PME´s contemplam:

- um prazo de carência de amortização do capital até 2 anos;

- um prazo máximo de financiamento de 8 anos;

- uma taxa de juro próxima dos 5%;

- a comparticipação, através de recursos próprios de pelo menos 10% do valor total dos investimentos a realizar pela empresa beneficiária desta linha de crédito.

São beneficiários do “INVESTE QREN”, a título de empréstimo, empresas com projetos de investimento aprovados no âmbito dos sistemas de incentivos do QREN. Poderão ser também beneficiárias entidades com projetos de “Ações Coletivas” aprovadas no respetivo sistema do QREN, sejam associações empresarias, centros tecnológicos e entidades públicas com competências específicas em domínios empresariais.

Os bancos que irão disponibilizar este novo instrumento de crédito às empresas em 2012 são os mesmos que têm protocolado as linhas de crédito PME Investe e PME Crescimento.

Para mais informações clique aqui.

http://www.pofc.qren.pt/media/noticias/entity/investe-qren--linha-de-financiamento-ao-investimento-empresarial-no-qren?fromlist=1

 

MANUAL DE BOAS PRÁTICAS AMBIENTAIS - JUNHO 2012

Clique aqui para descarregar ficheiro.

 

ABERTURA DE QUATRO CONCURSOS QREN | 190 MILHÕES DE INCENTIVO FEDER

Com uma dotação global de 190 milhões de euros de Incentivo FEDER, estes concursos pretendem aumentar a capacidade produtiva das empresas nacionais promovendo a sua presença activa no mercado global, estimular a presença em redes de cooperação internacionais e estimular novos projectos de vertente internacional.

. Promoção da Participação no 7º Programa Quadro de I&DT (UE): Destina-se a apoiar projectos promovidos por entidades sem fins lucrativos do sistema científico e tecnológico e associações empresariais, que visem potenciar a participação de empresas nacionais em programas europeus enquadrados no 7º Programa Quadro de I&DT (UE), designadamente campanhas de sensibilização, informação e demonstração junto de PME e assistência técnica na elaboração e negociação de candidatura. A dotação total FEDER no âmbito do COMPETE é de 5 milhões de euros e abrange projectos promovidos por entidades localizadas nas regiões Norte, Centro e Alentejo.

Aviso de Abertura - clique aqui para descarregar pdf

. Inovação Produtiva (Si Inovação): Destina-se a apoiar projectos de investimento produtivo de natureza inovadora (bens, serviços e processos) promovidos por empresas. Com uma dotação global FEDER de 120 milhões de euros, envolve projectos desenvolvidos em todo o território continental, considerando as seguintes prioridades: “Empresas exportadoras”, “Novos Exportadores”, “Valorização Oferta Nacional” e “Dotação de baixa densidade” (especificamente para as regiões de Lisboa e do Algarve).

Aviso de abertura - clique aqui para descarregar pdf

. Empreendedorismo Qualificado (Si Inovação): Destina-se a apoiar a criação de empresas ou o reforço da capacidade produtiva de empresas com menos de três anos de actividade, considerando as prioridades: orientação para mercado externo, aposta em sectores de alta/média tecnologia ou forte intensidade de conhecimento e valorização de anteriores projectos de I&DT (produção de bens e serviços) no crescimento da empresa. O concurso prevê a atribuição de majoração aos projectos liderados por mulheres (Empreendedorismo Feminino) e liderados por jovens com idades entre os 18 e os 35 anos (Empreendedorismo Jovem). A dotação global FEDER é de 25,7 milhões de euros e abrange projectos de todo o território continental.

Aviso de Abertura - clique aqui para descarregar pdf

. Projectos Individuais (SIQualificação PME): Destina-se a apoiar os projectos apresentados por PME orientados para o reforço da presença no mercado externo, com investimentos em factores dinâmicos de competitividade, nomeadamente: Criação, Moda &Design; Qualidade; Ambiente; Diversificação e Eficiência Energética; Internacionalização; Economia Digital. Com uma dotação global FEDER de 39.5 milhões de euros, envolve projectos desenvolvidos em todo o território continental, correspondendo ao domínio “Internacionalização” um total de 25 milhões de euros (63% da dotação total do concurso).

Aviso de Abertura - clique aqui para descarregar pdf

Para mais informações: http://www.pofc.qren.pt/concursos/concursos-abertos

SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME

Quarta alteração ao Regulamento do Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME (SI Qualificação de PME), aprovado pela Portaria n.º 1463/2007, de 15 de novembro: Portaria n.º 47-A/2012.

 

SISTEMAS DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS

Encontram-se abertos os seguintes novos concursos no âmbito dos Sistemas de Incentivos às Empresas do QREN:

- Vale Inovação, no âmbito do SI Qualificação de PME (candidaturas até 3 de fevereiro);

 O concurso “Vale Inovação” pretende apoiar de forma simplificada a aquisição de serviços de consultoria e de apoio à inovação por parte de PME a entidades devidamente qualificadas para o efeito, para resposta a necessidades específicas da empresa, no sentido do aumento da sua competitividade, assim como intensi­ficar a aquisição de serviços de I&DT por parte de PME a entidades do Sistema Científico e Tecnológico.

- Núcleos de I&DT, no âmbito do SI I&DT (candidatu­ras até 17 de fevereiro);

 O concurso “Núcleos de I&DT” tem como objetivo a promoção do up-grade das empresas de pequena ou média dimensão (PME) para patamares mais elevados de desenvolvimento tecnológico e de inovação, atra­vés da criação e consolidação de unidades estrutura­das com características de permanência e dedicadas exclusivamente a atividades de I&DT, dotando-as das competências humanas e materiais próprias indispen­sáveis à sua intervenção.

- Promoção da Propriedade Industrial (Projetos In­dividuais), no âmbito do SI Qualificação de PME (can­didaturas até 2 de abril).

 O concurso “Promoção da Propriedade Industrial” destina-se exclusivamente a apoiar projetos com in­vestimentos em proteção de direitos no domínio da Propriedade Industrial (registo de patentes, modelos de utilidade e marcas que correspondam à comercia­lização futura da matéria a proteger no âmbito da pa­tente), contribuindo para estimular a valorização eco­nómica das invenções.

Além destes, foram ainda abertos os seguintes concursos:

- Projetos Individuais de I&DT, no âmbito do SI I&DT (candidaturas até 26 de março);

- Inovação Produtiva (PROVERE), no âmbito do SI Inovação (candidaturas até 11 de abril).

 

NOVA LINHA DE CRÉDITO PME – “PME Crescimento”

Governo lança nova linha de crédito bonificado de apoio às empresas.

Os novos apoios financeiros às empresas estão fixados em 1.500 milhões de euros. A nova linha de crédito bonificada que sucede às anteriores linhas de crédito PME Invest, designa-se agora de “PME Crescimento”, e tem como objectivo apoiar a maioria das PME´s.

Esta nova linha de crédito de apoio às empresas portuguesas acordada com a generalidade dos bancos a operar em Portugal.

A repartição dos 1.500 milhões de euros está definida da seguinte forma:

1) 250 milhões de euros serão encaminhados para Micro e Pequenas empresas;

2) 500 milhões de euros vão para empresas exportadoras;

3) 750 milhões de euros destinam-se à generalidade das empresas que estejam certificadas pelo IAPMEI como sendo PME´s.

Em termos de plafonds máximos definidos para concessão de crédito através desta linha PME Crescimento, os valores fixados são de:

i) 25 mil euros para as Micro empresas;

ii) 50 mil euros para as Pequenas empresas.

 

MAIS APOIOS FINANCEIROS PARA A REESTRUTURAÇÃO DE EMPRESAS EM SITUAÇÃO ECONÓMICA DIFÍCIL

Abriu no dia 1 de Setembro nova candidatura ao Programa “FACCE – Fundo Autónomo de Apoio à Concentração e Consolidação de Empresas”, que concede Apoios Financeiros à reestruturação, concentração e consolidação de PME´s, e, que visa essencialmente a recuperação e reestruturação de empresas em situação económica difícil pela via de operações de concentração de capital.

O FACCE – "Fundo autónomo de apoio à concentração e consolidação de empresas" é um dos três instrumentos do Programa PME Consolida, destinados a concretizar as medidas de apoio especial à actividade económica e ao emprego prevista no Programa Iniciativa para o Investimento e o Emprego recentemente aprovado pelo Governo.

O Fundo tem uma dotação orçamental de 175 milhões de euros e constitui um mecanismo de co-financiamento de operações de reestruturação, concentração e consolidação de empresas, em especial Pequenas e Médias Empresas (PME).

Objectivos

O FACCE tem os seguintes objectivos:

  • Apoiar o crescimento económico e a criação, a manutenção e a qualificação de emprego;
  • Reforçar a competitividade das empresas e da economia nacional;
  • Incentivar a reestruturação, a concentração e a consolidação empresarial e;
  • Estimular o empreendedorismo, a dinâmica de crescimento e a expansão empresarial

O período de candidatura ao programa FACCE, decorre entre 1 de Setembro e 30 de Novembro de 2011

Mais informações: “PME Investimentos” (http://www.pmeinvestimentos.pt/facce/apresentacao.html)

 

PRÉMIO MUNICIPAL JOVENS EMPRESÁRIOS DO CONCELHO DE MOURA / PRÉMIO MUNICIPAL EMPRESÁRIOS DO CONCELHO DE MOURA

Clique para visualizar resultados.

 

INSTALAÇÃO DE JOVENS AGRICULTORES

Portaria n.º 184/2011 de 05 de Maio

Altera o Regulamento de Aplicação da Acção n.º 1.1.3, «Instalação de Jovens Agricultores», da medida n.º 1.1, «Inovação e desenvolvimento empresarial», integrada no subprograma n.º 1, «Promoção da competitividade», do Programa de Desenvolvimento Rural do Continente, PRODER, aprovado pela Portaria n.º 357-A/2008, de 9 de Maio. (descarregue a portaria

 

SECTOR AGRÍCOLA E PECUÁRIO

Governo reforça, no montante de (euro) 50 000 000, a linha de crédito com juros bonificados dirigida às empresas do sector agrícola e pecuário, alterando pela primeira vez o Decreto-Lei n.º 1-A/2010, de 4 de Janeiro.

Clique aqui para visualizar documento

 

DIVULGAÇÃO FAME

O que é o FAME - O FAME é um instrumento financeiro criado pela ADRAL, que consiste num apoio disponibilizado a empresários e empreendedores, com o objectivo de promover o investimento produtivo nas Micro e Pequenas empresas. O modelo de intervenção do FAME, tendo sido considerado uma boa prática, foi integrado pelo IAPMEI no âmbito do FINICIA (Eixo III).

O Fundo visa a modernização e dinamização das Micro e Pequenas empresas sedeadas ou que pretendam instalar-se em cada um dos concelhos aderentes da Região Alentejo, facilitando o seu ajustamento às condições cada vez mais competitivas do mercado. Com uma taxa de financiamento até 100% e um limite máximo por projecto até 45.000 € , reveste, parcialmente, a forma de um subsídio reembolsável com um prazo máximo de 6 anos e até um ano de carência. O financiamento dos projectos será formalizado pelo BES, que participa com 80% do valor do Fundo, com um spread fixo sobre a euribor a 180 dias, sendo os restantes 20% assegurados pela mobilização de fundos de âmbito municipal, esta última componente isenta de juros. Não há quaisquer encargos de análise, abertura de dossier, preparação da candidatura, arredondamento da taxa de juro ou penalização por reembolso antecipado. O FAME pode ser complementar aos sistemas de incentivos do QREN.

Para  mais informações clique aqui

 

INCENTIVOS ÀS EMPRESAS - PLANO DE CONCURSOS PARA 2011

Foi publicado no site dos incentivos às empresas do QREN, o plano de concursos para o ano de 2011. De acordo com a informação publicada no site, o calendário é o seguinte:

Janeiro

SI I&DT - Vale I&DT:AAC n.º 01/SI/2011 de 25-Jan-11 a 9-Mar-11 – ABERTO

Aviso

1. Prazos para a Apresentação de Candidaturas

Entre o dia 25 de Janeiro de 2011 e o dia 09 de Março de 2011 (24 horas).

2. Objectivos e Prioridades

O SI I&DT tem como objectivo intensificar o esforço nacional de I&DT e a criação de novos conhecimentos com vista ao aumento da competitividade das empresas, promovendo a articulação entre estas e as entidades do Sistema Científico e Tecnológico (SCT).

Através do presente Aviso pretende-se apoiar de forma simplificada a aquisição de serviços de I&DT por parte de PME a entidades do Sistema Científico e Tecnológico para resposta a questões e necessidades específicas da empresa, designadamente serviços de consultoria e assistência tecnológica que visem a realização de estudos de viabilidade técnico-científica e de projectos de I&DT, bem como a subsequente transferência de tecnologia para as empresas promotoras, no sentido do aumento da sua competitividade com tradução na melhoria de produtos, processos ou serviços.

3. Tipologia de Projectos a Apoiar

Os projectos a apoiar inserem-se na tipologia “Vale I&DT” (sub-alínea iv) da alínea a) do n.º 1 do artigo 5.º do Regulamento do SI I&DT).

O Vale I&DT visa o apoio à aquisição de serviços de I&DT a uma entidade do SCT, a qual deverá ser seleccionada da lista de entidades qualificadas, bem como nos sítios dos Programas Operacionais do QREN.

São susceptíveis de apoio os projectos que incidam sobre as seguintes áreas científicas e tecnológicas:  Ciências e tecnologias do ambiente;          Ciências e tecnologias do mar;          Ciências e tecnologias dos alimentos;         Biotecnologia;          Ciências da saúde;          Tecnologias e ciências dos materiais;          Engenharia mecânica;          Engenharia electrotécnica, automação, controlo;          Tecnologias de informação e telecomunicações;          Engenharia de sistemas;          Sistemas energéticos e novas formas de energia;          Qualidade e segurança alimentar;          Prevenção e redução de riscos;          Gestão industrial.

O projecto de investigação a contratar a uma entidade do SCT qualificada para o efeito não pode corresponder a projecto de investigação em curso na entidade do SCT seleccionada.

O estatuto de entidade qualificada obtido no âmbito do AAC n.º 01/SI/2008 permanece válido para o presente concurso.  

4. Âmbito Territorial

Todas as regiões NUTS II do Continente à excepção da Região de Lisboa.

5. Data Limite para a Comunicação da Decisão aos Promotores

Dia 06 de Abril de 2011.

SI Qualificação PME - Vale Inovação: AAC n.º 02/SI/2011 de 25-Jan-11 a 9-Mar-11 – ABERTO

Aviso

1. Prazos para a Apresentação de Candidaturas

Entre o dia 25 de Janeiro de 2011 e o dia 09 de Março de 2011 (24 horas).

2. Objectivos e Prioridades

O SI Qualificação de PME visa a promoção da competitividade das PME através do aumento da produtividade, da flexibilidade e da capacidade de resposta e presença activa no mercado global, através da utilização de factores dinâmicos da competitividade. Através do presente Aviso pretende-se apoiar de forma simplificada a aquisição de serviços de consultoria e de apoio à inovação por parte de PME a entidades devidamente qualificadas para o efeito, para resposta a necessidades específicas da empresa, no sentido do aumento da sua competitividade.

Neste âmbito, incluem-se actividades de consultoria de gestão, assistência tecnológica, serviços de transferência de tecnologia, consultoria para aquisição, protecção e comercialização de direitos de propriedade intelectual e industrial e para acordos de licenciamento, consultoria relativa à utilização de normas e serviços de ensaios e certificação.

3. Tipologia de Projectos a Apoiar

Os projectos a apoiar inserem-se na tipologia “Vale Inovação – projecto simplificado de inovação” (alínea d) do n.º 1 do artigo 6.º do regulamento do SI Qualificação de PME).

O Vale Inovação visa o apoio à aquisição de serviços de consultoria e de inovação prestados por uma entidade seleccionada a partir da lista de entidades qualificadas, publicada no sítio Incentivos QREN ( www.incentivos.qren.pt ), bem como nos sítios dos Programas Operacionais do QREN.

São susceptíveis de apoio os projectos que prevejam intervenção nas seguintes áreas de consultoria e inovação : Organização e gestão e tecnologias de informação e comunicação; Desenvolvimento e engenharia de produtos, serviços e processos; I&DT e transferência de tecnologia;  Propriedade industrial;  Criação, moda e design; Comercialização e marketing; Economia digital; Qualidade;  Ambiente;      Diversificação e eficiência energética; Internacionalização.

Não são apoiáveis as seguintes actividades:   Acções de formação;  Software já desenvolvido e comercializado no mercado;  Design e produção de material de publicidade.

O estatuto de entidade qualificada obtido no âmbito do AAC n.º 01/SI/2008 permanece válido para o presente concurso.

4. Âmbito Territorial

Todas as regiões NUTS II do Continente à excepção da Região de Lisboa.

A localização do investimento é determinada pela localização da sede social da empresa promotora.

5. Data Limite para a Comunicação da Decisão aos Promotores

Dia 06 de Abril de 2011.

Para mais informações consulte, por favor:  www.incentivos.qren.pt

 

Fevereiro

SI I&DT - Projectos em Co-Promoção: de 01-Fev-11 a 4-Abr-11

SI I&DT - Núcleos de I&DT: de 16-Fev-11 a 21-Abr-11

SI Inovação - Projectos de Inovação: de 28-Fev-11 a 4-Mai-11

SI Inovação - Projectos de Empreendedorismo (inclui novo regime SI Inovação): de 28-Fev-11 a 4-Mai-11


Março

SI Qualificação PME - Projectos Individuais e em Cooperação: de 01-Mar-11 a 18-Abr-11

SI Qualificação PME - Projectos Conjuntos | Outras Tipologias: de 01-Mar-11 a 18-Abr-11


Maio

SI Qualificação PME - Projectos Conjuntos | Internacionalização: de 02-Mai-11 a 24-Jun-11

Junho

SI I&DT - Projectos Individuais: de 01-Jun-11 a 15-Set-11

Julho

SI I&DT - Projectos em Co-Promoção: de 11-Jul-11 a 30-Set-11

Outubro

SI I&DT - Vale I&DT: de 7-Out-11 a 21-Nov-11

SI Qualificação PME - Vale Inovação: de 7-Out-11 a 21-Nov-11

SI Qualificação PME - Projectos Individuais ou em Cooperação: de 18-Out-11 a 16-Dez-11


Novembro

SI I&DT - Núcleos de I&DT: de 4-Nov-11 a 10-Jan-12

SI I&DT - Projectos Individuais: de 15-Nov-11 a 2-Mar-12

SI Inovação - Projectos de Inovação: de 30-Nov-11 a 10-Fev-12

SI Inovação - Projectos de Empreendedorismo (inclui novo regime SI Inovação): de 30-Nov-11 a 10-Fev-12

Para mais informações consulte, por favor:  www.incentivos.qren.pt

 

PROGRAMA DE APOIO AO EMPREENDEDORISMO E À CRIAÇÃO DO PRÓPRIO EMPREGO - ALTERAÇÃO

Foi publicada hoje, 28 de Janeiro, a primeira alteração à Portaria n.º 985/2009, de 4 de Setembro, que aprova a criação do Programa de Apoio ao Empreendimento e à Criação do Próprio Emprego (PAECPE), a promover e executar pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P., e regula os apoios a conceder no seu âmbito.

Portaria n.º 58/2011

 

CDE do Alentejo promove inquérito às PME

O Centro de Desenvolvimento Empresarial do Alentejo do IAPMEI está a realizar um estudo de identificação e caracterização da difusão de informação para as Pequenas e Médias Empresas com estabelecimento no Alentejo, independentemente do seu sector de actividade. O objectivo principal é identificar qual a informação recebida, a forma e o meio pelos quais as empresas recebem essa mesma informação, sendo um segundo objectivo validar se a informação recebida se ajusta ao perfil de interesse ou às necessidades das empresas.

O referido estudo será suportado pelas respostas das empresas a um inquérito online, ao qual se pode aceder através do seguinte link:

> Inquérito ‘Fluxos de informação para empresas’

Para o preenchimento do inquérito serão apenas necessários 5 minutos, podendo ser respondido pelas empresas até ao dia 21 de Janeiro de 2011.

Se é uma PME sediada no Alentejo, colabore neste trabalho cujas conclusões poderão servir para melhorar o serviço informativo prestado às empresas

Link inquérito : http://informacao.limequery.com/index.php?sid=35191&newtest=Y&lang=pt 

 

PME INVESTE VI – ADITAMENTO

Encontra-se aberta a Linha de Crédito PME Investe VI - Aditamento, com uma dotação global de 1.500 milhões de euros.

Linhas específicas:

- Linha Especifica “Micro e Pequenas Empresas” – no valor até 500 milhões de euros, destinada a micro e pequenas empresas e que cumpram as condições especificas .

- Linhas Especifica “Geral” – No valor até 1.000 milhões de euros, destinada a empresas que cumpram as condições especificas. Na Linha Específica “Geral” é criada uma “Dotação Geral” no valor de 500 milhões de euros e uma “Dotação Específica Empresas Exportadoras” no valor de 500 milhões de euros.

Para mais informações: PME Investe VI - Aditamento (pdf)

 

PRODER - AERTURA DE CANDIDATURAS

Encontram-se abertos os seguintes avisos:

Para mais informações: http://www.proder.pt/PresentationLayer/conteudo.aspx?menuid=336&exmenuid=569

 

SECTOR AGRÍCOLA E PECUÁRIO

O montante máximo de crédito a conceder às empresas ligadas ao sector agrícola e pecuário, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 1 -A/2010, de 4 de Janeiro, sofre agora um aumento de €25.000.000 sobre o montante global de crédito, de acordo com a Portaria n.º 889/2010 de 13 de Setembro.

Para mais informações consulte o documento aqui.

 

PRÉMIO DO JOVEM EMPREENDEDOR

A ANJE - Associação Nacional de Jovens Empresários recebe até 30 de Setembro candidaturas ao Prémio do Jovem Empreendedor. Trata-se da 12ª edição do galardão que distingue, apoia e promove empresas em fase de criação e/ou expansão de negócios. Aquela que é uma das mais antigas competições de empreendedorismo a nível nacional foi criada em 1998 e desde então tem vindo a contribuir para a renovação do panorama empresarial português, lançando no mercado inovadoras “start-ups” e PME. O promotor do melhor projecto é contemplado com um “prize money” no valor de 19.500 euros e usufrui de apoio da ANJE no acesso a instrumentos de suporte financeiro e infra-estrutural, através das iniciativas Ninhos de Empresas, Centros de Incubação e Programas de Apoio a Jovens Empresários. O júri poderá ainda, caso entenda ser pertinente, conceder menções honrosas a alguns concorrentes. Apoiado pelo IEFP - Instituto de Emprego e Formação Profissional, o Prémio do Jovem Empreendedor está aberto a cidadãos entre os 18 e os 35 anos, bastando para tanto que estes apresentem projectos de criação ou expansão de empresas com os seguintes requisitos: exequibilidade financeira, adequação ao mercado, carácter inovador e credibilidade das referências académicas e/ou profissionais dos seus promotores.

Para mais informações consulte o documento aqui.

 

ENCONTRO TRANSFRONTEIRIÇO EM MOURA - 22 de JULHO

A ADRAL Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo, S.A , no âmbito da sua actividade de apoio ao tecido empresarial regional é parceira do projecto INTERPLAT  em conjunto com a “IDEA – Agencia de Innovación y Desarollo de Andalucía” e a Fundação Andaluza “Fondo de Formacion y Empleo, (FAFFE) no âmbito do Programa Operativo de Cooperação Transfronteiriça Espanha-Portugal 2007-2013.

Pretende-se com este projecto incentivar ao intercambio comercial entre os dois lados da fronteira e estabelecer pontes de ligação entre empresas e entidades Alentejanas e Andaluzas, com o intuito de contribuir para a criação de um sistema de cooperação transfronteiriço assente na dinamização e melhoria da competitividade nas empresas do Baixo Alentejo e Litoral Alentejano, bem como nas da Andaluzia.

As primeiras Jornadas na região Alentejo - Encontro Empresarial Transfronteiriço “A Importância do desenvolvimento Económico Transfronteiriço baseado nas Energias Renováveis”  terão lugar, já no  próximo dia 22 de Julho em Moura (ver programa) .  

Simultaneamente serão promovidos ciclos de contacto directo entre empresários portugueses e espanhóis presentes .

Em caso de interesse, confirmar o mais brevemente para:

ines.gomes@adral.pt 269825062/ 961504144

marta.comprido@adral.pt 284326136/961504131